quarta-feira, 29 de setembro de 2010

Cresce número de furtos contra turistas brasileiros em Buenos Aires

Cada vez mais numerosos em Buenos Aires, os turistas brasileiros viram aumentar também, a cada dia, os casos de golpes e furtos na capital argentina. A informação é da reportagem de Gustavo Hennemann publicada na edição desta quarta-feira da Folha (íntegra está disponível para assinantes do jornal e do UOL). 

De acordo com o texto, batedores de carteira e ladrões que se passam por cambistas, taxistas e agentes de viagens atuam sobretudo no centro comercial da cidade, onde milhares de brasileiros circulam todos os dias. Apesar de raramente serem violentos, os furtos deixam parte dos turistas sem dinheiro ou documentos.
Ontem, o dentista Cláudio Freitas, 39, que passa as férias com a família em Buenos Aires, tentava obter o documento para voltar a Recife. Hospedado no centro, ele teve a bolsa furtada enquanto tomava café no hotel. "É a quinta vez que passo férias aqui e nunca havia acontecido nada. A gente acaba se descuidando. Pendurei [a bolsa] na cadeira e ela sumiu. O hotel só disse: 'Lamentamos muito'", afirma Freitas.

 Caminito, rua ligada à tradição do tango no bairro da Boca, 
em Buenos Aires; crescem os furtos contra brasileiros na cidade

Matéria publicada na Folha de São Paulo e disponível no link abaixo ...
http://www1.folha.uol.com.br/cotidiano/806376-cresce-numero-de-furtos-contra-turistas-brasileiros-em-buenos-aires.shtml

0 Comentários:

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

Links para esta postagem:

Criar um link

<< Página inicial